Escrito por:

Programas Windows, websites, programas .NET/Win32 e aplicações Android e iOS estão todas a caminho do Windows 10, se os desenvolvedores assim quiserem.

Newsletter seta
Partilha no Facebook
Partilha no Twitter

Subscrever Newsletter:

Subscreva a nossa Newsletter e receba as novidades personalizadas para si:

Estamos também no Facebook:

Fechar (x)

Windows 10 Microsoft

Se Maomé não vai à montanha, a montanha vai até ao Maomé. Este foi o lema da Microsoft para o Windows 10, se os desenvolvedores de aplicações não foram ter com o Windows, então será o Windows a ir ter com eles, mais precisamente, o Windows 10. Aplicações e jogos Android, bem como do iOS, poderão ser instalados no Windows 10, através das aplicações universais.

Dos rivais Android e iOS, para o Windows 10.

Os desenvolvedores nunca tiveram a vida tão facilitada para lançar uma aplicação num sistema operativo novo. Para quem já possui uma aplicação para Android, desenvolvida utilizando as linguagens de programação Java, ou, C++, poderá através de um software da Microsoft tornar possivel instalar as suas aplicações e jogos em dispositivos Windows 10. O mesmo se passa para aplicações no iOS, utilizando a linguagem de programação Objective C.

Esta ideia pode parecer simples, mas a Microsoft teve de adaptar todas as Google API, para o Windows 10, substituindo-as pelas Microsoft API. O mesmo se passa para o iOS. A saga Candy Crush para Windows Phone foi um dos primeiros testes de aplicações a usar esta "conversão". O famoso jogo foi convertido do iOS com pequenas modificações no código. O mesmo código poderá ser adaptado ainda ao Windows de forma mais envolvente, podendo fazer uso de funcionalidades e serviços como Cortana, Xbox Live, Hologramas, Tiles dinâmicos, entre outros.

A Microsoft inicialmente apenas pensou em "transformar" as aplicações do iOS, mas devido à não globalização dos dispositivos da Apple, a Microsoft adicionou também o Android à "transformação". Esta nova forma de programar uma aplicação para o Windows ainda não garante que o sistema da Microsoft venha a possuir todas as aplicações do iOS e Android. O ultimo passo ainda depende dos programadores de aplicações. Esta facilidade apenas diminui o tempo de programação para o Windows, bem como facilita muito a re-programação de aplicações e diminui drasticamente as desculpas dos desenvolvedores para não lançarem versões das suas aplicações para Windows.

Websites também vão poder ser transformados em aplicações!

Ainda no desenvolvimento de aplicações, a Microsoft anunciou que os websites poderão também fazer parte das aplicações universais do Windows 10. Os websites poderão enviar notificações e permitir compras na aplicação que criarem, baseada no website.

Programas e aplicações .NET e Win32 também entram nas aplicações universais.

Programas .NET e Win32 também poderão ser convertidos para aplicações universais no Windows 10. Isto significa um numero relevante, pois 16 milhões de aplicações .NET e Win32 são utilizadas mensalmente em sistemas Windows 8 e Windows 7. A Microsoft irá também permitir que programas actuais do Windows façam parte das aplicações do Windows 10.

Estes 4 SDKs foram apelidados de pontes e rampa, para que os desenvolvedores vejam valor em desenvolver as suas aplicações e programas para o Windows 10. A Microsoft colocou como objectivo atingir mil milhões de dispositivos com Windows 10 nos próximos 3 anos.

Estas são boas noticias para os possuidores de smartphones e tablets com Windows Phone e Windows 8. Vão finalmente poder receber as aplicações que tanto cobiçam. Por outro lado, esta facilidade de conversão do Android/iOS para o Windows, poderá acabar com o estilo de aplicações que marcou a maioria das aplicações do Windows Phone. Que diga-se, é muito elegante e fácil de trabalhar.

Categoria:Informática
Newsletter seta
Partilha no Facebook
Partilha no Twitter

Subscrever Newsletter:

Subscreva a nossa Newsletter e receba as novidades personalizadas para si:

Estamos também no Facebook: